0
0
0
s2sdefault

Osmar FrizzoQUERÊNCIA – A colheita da soja safra 2019/2020 foi concluída no município de Querência. Nesta safra, cerca de 380 mil hectares foram plantados com a cultura, se consolidando como a maior safra no município.

A informação é do presidente do Sindicato Rural, Osmar Frizzo.

A produtividade da soja em Querência saiu de 57 sacas no ciclo passado para cerca de 61 sacas nesta temporada. Segunda a estimativa, foram colhidos cerca de 1 milhão e 400 mil toneladas da oleaginosa, mais de 1% da produção nacional, estimada em 124 milhões de toneladas.

A soja passou pelo estresse hídrico na fase de plantio e se comportou bem, tendo registrado ataques de percevejos na reta final. As chuvas também atrapalharam um pouco a vida do produtor no momento da colheita.

A semeadura do milho safrinha também já foi concluída em Querência. Frizzo informou que foram plantados cerca de 240 mil hectares da cultura, o que também redundará na maior safra do cereal no município.

Além disso, outros 5 mil hectares são cultivados com arroz em Querência. Outros produtores também investem nas culturas de gergelim, milho pipoca e feijão, estes em números menos expressivos.

Em relação ao novo coronavírus, os produtores se preocupam neste momento com o escoamento da safra. Caminhoneiros de Mato Grosso enfrentam dificuldades para transportar a safra de soja com as medidas de prevenção à Covid-19. As empresas transportadoras e que contratam fretes no estado informaram que alguns carregamentos de soja estão atrasados, já que quase a metade dos profissionais estão parados. Por enquanto, os valores dos fretes seguem normais para o período. Por enquanto, os valores dos fretes seguem normais para o período. 

Querência possui capacidade de 1.224.727 milhão de toneladas e a previsão é que colha entre soja e milho, quase 2,5 milhões de toneladas, possuindo uma capacidade menor que 50%.