0
0
0
s2sdefault

Atualizada dia 18 agosto

 

agronomo laerte derlanÁGUA BOA - A Associação dos Engenheiros Agrônomos confirmou que a colheita de gergelim no município de Água Boa está concluída. O Engenheiro Agrônomo Laerte Derlan confirma que a produtividade final foi em torno dos 450 kg/ha, com produtividades diversas, desde 150 kg/ha até 1.350 kg/ha.

Ele afirmou que no final da colheita, houve queda de produção em diversas lavouras que tiveram o plantio realizado fora da janela de semeadura e com menor tecnologia. Isso já era esperado pelos agrônomos.

O resultado da colheita ficou bem abaixo em algumas áreas se comparado com quem plantou dentro da janela adequado com uso de boa tecnologia. Esse fato deve ser ressaltado pelos técnicos para que os produtores façam melhor planejamento a fim de se obter o máximo possível do potencial do gergelim em safras futuras.

A cultura demonstrou ser ótima opção para a safrinha e deve ser cultivada conforme padrão técnico, pois tem boa resistência à pouca umidade no solo. Os agrônomos destacam que deve-se evitar exageros de plantios extemporâneos como alguns produtores fizeram. Outro fator a se destacar é a falta de empresas instaladas em Água Boa para recebimento do gergelim, pois quase toda a produção foi direcionada para o município de Canarana.otmar lauro derlan

Derlan ressalta que precisa haver estrutura própria para acondicionar esta commoditie no município. Laerte, que também é produtor juntamente com seu pai Otmar Lauro Derlan, relata que cultivaram 260 hectares de gergelim, com plantio em fevereiro.

Eles obtiveram produtividade média de 550 kg/ha, estando satisfeitos com a produtividade e rentabilidade da cultura.

Os Derlan pretendem plantar novamente no próximo ano. Cultivaram ainda 60 ha de Feijão Mungo, com produtividade de 11 sacas por hectare, com boa rentabilidade financeira, pois o custo ficou em torno de 5 sacas por hectare.

Os produtores afirmam que para a próxima safra pretendem continuar com plantio de gergelim e feijão em segunda safra.

O plano é entrar com a cultura do arroz como outra alternativa de safrinha, opção que os mesmos já tinham em anos anteriores.

Como o mercado acena positivamente para a cultura de arroz, a pretensão dos Derlan é de voltar também com esta cultura. 

No total, foram plantados 30 mil hectares com gergelim no município, redundando em uma colheita estimada de 13.500 toneladas.

 

======================

Atualizada dia 28 jul

 

ÁGUA BOA – A colheita do gergelim chegou aos 90% das áreas semeadas.jose e cleide dombroski

O levantamento foi feito pela Associação dos Engenheiros Agrônomos. Segundo o agrônomo Anderson Luiz Martins, a produtividade média fica em torno dos 650 quilos por hectare. No atual ciclo, foram cultivados cerca de 30 mil hectares com gergelim.

Anderson faz acompanhamento técnico das lavouras de José e Cleide Dombroski na Fazenda Pedra Preta na região do Rio Couto Magalhães. Ele disse que na propriedade, cuja colheita iniciou agora, a expectativa é de alcançar produtividades de 600 quilos por hectare.

anderson luiz martinsDombroski também cultivou cerca de 400 hectares com milho, alcançando produtividade de 87 sacas por hectare. No feijão Red Bambu, ele alcançou 18 sacas por hectare.

A família Dombroski também cultivou uma área com feijão Caupi, obtendo a rentabilidade de 18 sacas por hectare. Anderson relatou ainda que a segunda safra na Fazenda Pedra Preta, foi marcada por excesso de chuvas em fevereiro e março, e bom bons volumes em abril.

O excesso de chuvas causou problemas para a colheita e escoamento da safra da soja, atrasando o plantio da segunda safra. Dessa forma, a semeadura das culturas da safrinha foi feita tardiamente, prejudicando a produtividade, apesar do bom desenvolvimento das culturas.

José Dombroski está animado com o cenário agrícola e com as oportunidades que vieram para a região. Produtos como milho, feijão caupi e gergelim estão com preços animadores.

Toda essa conjuntura aliada as boas produtividades estão garantindo renda satisfatória aos produtores rurais.

 

========================= 

Atualizada dia 15 jul

 

kassio meloÁGUA BOA - Cerca de 75% das lavouras de gergelim já foram colhidas no município. O levantamento foi efetuado pela Associação dos Engenheiros Agrônomos. Os trabalhos seguem dentro da normalidade.

O agrônomo Kassio Melo disse que as produtividades médias estão em torno de 650 quilos por hectare. Porém, tem produtor que colheu somente 250kg por ha, contra outros que alcançaram a impressionante marca de 1.200kg/ha.vinícius backes

Os produtores Vinicius Backes e Maria Isabel Backes da Fazenda Luiza na Gleba Bela Vista, já colheram 70% das lavouras de gergelim, totalizando 290 hectares.

A produtividade média alcançada chegou a 600kg/ha. Por se tratar da primeira experiência com a cultura, eles se dizem satisfeitos.

Já o produtor Adriano Zambenedetti da Fazenda Sarandi, na Gleba Visão, concluiu a colheita com 1.192 quilos por hectare. Ele disse que a rentabilidade foi excelente para uma cultura de safrinha, ótima alternativa para a agricultura da região.

 

================================ 

ATUALIZADA DIA 07 JUL 2020

 

ÁGUA BOA – A colheita do gergelim prossegue no município.fabrizio godoy mazzei

Levantamento da Associação dos Engenheiros Agrônomos mostra que as máquinas já colheram 55% das áreas semeadas. No ciclo safrinha, foram plantados cerca de 30 mil hectares com gergelim.

O agrônomo Fabrizio Godoy Mazzei disse que as produtividades continuam variadas, principalmente em função da tecnologia usada em cada propriedade.

rafael friesTrata-se de uma cultura recém introduzida, o que aumenta os desafios de agrônomos, técnicos e produtores rurais. A média está ficando em torno de 650 quilos por hectare.

Esse patamar já proporciona bom rendimento aos produtores rurais. Os agricultores Rafael e Célio Fries, da Fazenda Água Boa, já colheram cerca de 60% da área de 90 hectares.

Eles obtiveram a boa marca de 820 quilos de gergelim por hectare. Eles estão satisfeitos com a rentabilidade, mesmo sendo uma cultura introduzida recentemente.

Já em 190 hectares com milho, os Fries alcançaram a produtividade de 127 sacas por hectare, após colhida a área de 80%. Marcos André Bertol da região da Serrinha alcançou 500 quilos por hectare de gergelim.

Isso atesta que os produtores rurais estão alcançando diferentes produtividades no município.

 

==================================== 

30 mil hectares com gergelim

gergelim 5ÁGUA BOA - Produtores rurais do município vão investir a partir de agora na cultura do gergelim. A informação é da Associação dos Engenheiros Agrônomos do município. Os agrônomos estimam que serão plantados cerca de 30 mil hectares com gergelim no município, o que surpreende, já que foge da tradição da soja, milho e do arroz, culturas que mais se destacam em Água Boa.

Novas cultivares de gergelim tem potencial de alcançar os 1500 kg/há. O plantio é realizado na safrinha após a colheita da soja, ou uma opção quando o milho safrinha sai da janela ideal de semeadura.

Cultivares utilizadas devem ser BRS SEDA, K-03, Trebol e o lançamento da Embrapa BRS ANAHÍ. A semeadura é realizada de diferentes maneiras de acordo com o nível tecnológico de cada produtor, por meio de semeadeiras, plantadoras ou por meio de distribuidores de modo "à lanço".

O controle de plantas daninhas, pragas e doenças, contudo ainda encontra cerca dificuldade por causa dos produtos registrados. A colheita exige adaptações nas plataformas das colheitadeiras, onde se instalam telas, retirando-se as barras do molinete. Máquinas mais modernas contam com plataformas Draper (Esteiras de borracha) que diminuem as perdas, já que o gergelim é um grão muito pequeno.

Sem sombra de dúvida, o gergelim é uma cultura desafiadora tanto para os produtores quanto para os técnicos, devido a sua introdução recente no Centro Oeste. Os custos variam de acordo com o nível de investimento de cada produtor, mas em média, ficam em torno de 250 kg/hectare. Porém, a expectativa é de que o faturamento seja semelhante ao que se fatura com a cultura da soja, guardadas as devidas proporções.

gergelim 2Gergelim - O gergelim (Sesamum indicum L.), da família Pedaliácea, é uma das plantas oleaginosas mais antigas usadas pela humanidade. Considera-se a África o continente de origem do gergelim, porque ali existe a maioria das espécies silvestres do gênero Sesamum, ao passo que na Ásia se encontra uma riqueza de formas e variedades das espécies cultivadas. No Brasil do século 16, o gergelim foi introduzido na Região Nordeste, pelos portugueses, e foi tradicionalmente plantado para consumo local.

Na Venezuela, desenvolveu-se como cultura comercial em virtude das condições climáticas muito favoráveis, bem como dos trabalhos de pesquisa que difundiram tal cultura. Na América do Norte, foi introduzido no fim do século 17 por escravos africanos. Com ampla adaptabilidade às condições climáticas, o gergelim tem bom nível de resistência à seca, e é fácil de ser cultivado: características que o transformam em excelente opção de diversificação agrícola por seu grande potencial econômico nos mercados nacional e internacional. (Embrapa Informação Tecnológica Brasília, DF -2007)

Vantagens do consumo de gergelim

Você diria que uma sementinha tão pequena está cheia de nutrientes benéficos para nossa saúde? E quando digo cheia, não é exagero não. Só em uma sementinha são encontrados cálcio, ferro, magnésio, fósforo, manganês, cobre, zinco, fibra, tiamina, vitamina B6, folato, proteína e triptofano. Ufa! É coisa demais, não acham? Mas, para que serve o gergelim?gergelim 1

Além de todos esses nutrientes, essa simples sementinha mantém a pressão sob controle, ajuda a emagrecer, é um super remédio para quem tem diabetes, auxilia no combate à anemia e muito mais.

Além de ajudar fisicamente o corpo humano, os benefícios do gergelim também ajudam mentalmente, pois tem um poder calmante natural e que ajuda a combater a ansiedade carregada dentro de si.

Como consumir o gergelim?

Agora que você já sabe para que serve o gergelim, vai ficar ainda mais surpresa em saber como seu consumo é surpreendentemente fácil no nosso dia a dia. Há muitas formas de comer gergelim e você pode utilizá-lo em inúmeras receitas, desde pães, saladas, comida japonesa, biscoitos, molhos ou, até mesmo, batendo ao menos 30g dessa sementinha em um suco no liquidificador.

E claro, o gergelim mais gostoso que você vai encontrar é o Gergelim Branco Natural 100% Integral Da Magrinha e, além dele, você encontra outros produtos deliciosos para que sua alimentação saudável fique ainda mais saborosa e tudo 100% integral! Oferecemos produtos para uma alimentação saudável, balanceada e de qualidade, onde cada um deles é 100% integral e quando dizemos que um produto é 100% integral, é porque ele é integral de verdade, pois carregamos com orgulho o selo internacional Whole Grain, dado somente quando os produtos são verdadeiramente integrais.

Todas nossas linhas possuem 7 grãos: Aveia, Arroz, Chia, Centeio, Gergelim, Linhaça e Quinoa, distribuídos das mais diversas formas, desde complementos alimentares para o dia a dia até snacks na hora que bate aquela fominha básica. Ah, e nossas embalagens são trabalhadas no modelo Stand Up Pouch com Zip Lock, um método inteligente e muito mais fácil para o dia a dia.

Além da sementinha, você também pode incluir no seu dia a dia o óleo de gergelim, que se torna uma boa alternativa para substituir o azeite ou outros óleos que são utilizados na cozinha, e tahine, uma pasta de gergelim que pode ser utilizada para fazer molhos para saladas. Algo muda? Não, pois os nutrientes, qualidade e benefícios do gergelim permanecem.

Há contraindicações do gergelim?

Apesar de seus benefícios, seu consumo deve ser moderado, com cerca de 10g a 30g por dia. Quando utilizado em excesso, pode causar dores no estômago ou no cólon, sendo contraindicado para pacientes que possuem colite, e também podem causar algumas irritações na sua pele, ocasionando vermelhidão e coceira.

Sabemos que o gergelim ajuda sim a emagrecer por conta de seus nutrientes, mas em excesso ele vai se tornar um inimigo e você poderá ganhar peso facilmente, mas não por conta das calorias presentes e sim por causa do alto nível de ácidos graxos. (