Ao Vivo Água Boa - MT (99,7 FM)

- Programa: Interativa Playlist
Locutor: -

Ouça Agora!

(66) 99652-7007

Ao Vivo Querência - MT (97,9 FM)

- Programa: Interativa Playlist
Locutor: -

Ouça Agora!

(66) 98438-0051 - Programa: Interativa Playlist
Locutor: -

Ouça Agora!

(66) 98438-0051

Empresários e trabalhadores fizeram marcha em defesa dos empregos

Atualizada


manifestacao 6ÁGUA BOA – Comerciantes de Água Boa fizeram agora a pouco uma manifestação no centro da cidade, em favor do emprego e da renda.

Comerciantes dos ramos de restaurantes, bares, lojas de conveniências, salão de beleza, barbearias, academias e congêneres estão revoltados pelo fato de não poderem trabalhar em horários distintos para atender a clientela.

Representantes de outros estabelecimentos também vieram apoiar a iniciativa em defesa do direito de trabalhar, reunindo cerca de mil pessoas.

Mantendo distanciamento e com uso de máscara, as pessoas saíra em passeata da praça da Cultura passando pelas avenidas Araguaia e Júlio Campos, retornando até a sede da ACEAB – Associação Comercial e Empresarial.

Cartazes pediam o direito de manter o funcionamento dos comércios. Todos são contra a formatação de vários feriados seguidos em Mato Grosso, possibilidade ventilada pelo governo do Estado para combater a disseminação da Covid-19.

Hospitais estão lotados, mas enquanto as autoridades ficam de olho na questão da saúde, trabalhadores não querem perder seu emprego, e os empresários querem lutar para manterem as empresas.

Com o atual decreto, algumas empresas poderão ficar um mês sem poder trabalhar de noite, o que está afetando cerca de 500 famílias na cidade.

Uma Ata foi preparada para encaminhar ao Governo do Estado, pedindo que não seja decretado longo período de feriadão, para a manutenção dos empregos e das contas dos empresários.

Veja Vídeo Aqui:







========================================================


comerciantes abÁGUA BOA – Comerciantes e ACEAB se reuniram hoje pela manhã na Câmara de Vereadores. Em pauta o fechamento dos comércios dos ramos de bares, restaurantes, academias, salão de beleza, barbearias e lojas de conveniências, entre outros.

Segundo estimativa inicial, cerca de 500 famílias estão sendo afetadas em Água Boa, o que está causando sérios problemas econômicos. Esses comércios, na maioria pequenos, estão vendo o faturamento dos impostos e demais contas vencendo diariamente, sem terem a condição de manterem os empregos e a geração de renda.

O comércio em geral também está receoso com a nova medida do governo do Estado, propondo a criação de feriados nas próximas semanas, como forma de evitar aglomeração. Porém, os comerciantes dizem que precisam manter os negócios, senão não há condições de pagar salários nem impostos. Comerciantes presentes disseram que não tem nenhuma ajuda dos governos.

Os financiamentos propostos são difíceis de serem alcançados, sem falar que isso não vai ajudar quem parou de arrecadar dinheiro por conta do fechamento. Alguns comércios relatam queda de 80% no faturamento, sem falar no aumento dos custos em cerca de 60%.

As entidades entendem que é preciso pressionar o governo do Estado para que não haja decreto de feriado estadual prolongado. Veja video com o empresário Sandro e com a presidente da ACEAB, Thiene Costa

Veja Vídeo Aqui:





Veja mais notícias: