Água Boa - MT,
Safrinha em AB: quase 50% da área colhida -veja vídeo

Safrinha em AB: quase 50% da área colhida -veja vídeo

Atualizada 28 junho 24

ÁGUA BOA – A colheita das culturas de segunda safra, a chamada “safrinha” está se realizando com normalidade nas áreas cultivadas no município de Água Boa.

O Engenheiro Agrônomo Elvecio Neto, da Associação dos Agrônomos de Água Boa, informa que as culturas de milho (30.000 ha), gergelim (70.000 ha), além de outras como milheto e sorgo, também se desenvolveram bem e tem boa capacidade produtiva. A exceção ocorre em algumas áreas semeadas fora da época ideal.

As lavouras foram conduzidas com boa tecnologia, tratos fitossanitários adequados contra pragas e doenças e o clima foi favorável e tem como resultado uma boa produção.

na cultura de milho estima-se que 45% das lavouras já foram colhidas, com média de 115 sacas por hectare. O gergelim tem cerca de 50% das áreas colhidas com produtividade de 700 kg/ha.

Os produtores estão satisfeitos com a colheita da safrinha, sendo que o milho, que tem custo de produção em torno de R$ 3.290,00 por hectare, segundo cálculos do IMEA, ainda tem cotação baixa no mercado.

Os preços em torno de R$ 38,00 por saca apontam para custos em torno de 86,5 sacas por hectare. Isso aponta para uma baixa rentabilidade econômica. Já o gergelim possui bons preços e como o custo é baixo, garante boa rentabilidade ao produtor. O gergelim hoje é uma ótima opção aos produtores para amenizar as perdas ocorridas na safra de soja.

Nesta safra ocorreu uma combinação de fatores negativos com a Soja. Houve perda significativa de produtividade em função das más condições climáticas e consequente plantio fora de época. Aliado a tudo isso, os preços muito abaixo dos custos de produção.

Com menor área de milho, o gergelim ocupou o espaço como sendo uma cultura com menor custo de implantação e condução associado a preços significativos. Isso proporcionou uma recuperação parcial das perdas com a cultura da soja.

A agropecuária como um todo tem procurado se adaptar em momentos difíceis buscando sempre alternativas de novas técnicas ou até mesmo novas culturas como fonte de renda. (Ascom)
Veja vídeo:




============================================================

Soja em Água Boa: quebra foi de 36,5%, diz Associação dos Agrônomos - veja vídeo


Atualizada 21 Maio 24

ÁGUA BOA – A Associação dos Agrônomos finalizou o levantamento da safra de soja 2024 no município.

A safra foi muito aquém em comparação com os anos anteriores, reflexo do fenômeno climático El Niño. A falta de chuvas no tempo da semeadura da soja causou perdas irreversíveis.

Além disso, quem plantou soja mais tarde, sofreu com ataques da mosca branca e percevejos. O Agrônomo, Woschington Fernandes, informou que a produtividade média fechou em 38 sacas por hectare, uma quebra de 36,5% em relação à safra anterior.

Significa que deixaram de circular no comércio local cerca de R$ 460 milhões. Os preços pagos ao produtor e os altos custos influenciaram nas perdas econômicas.

A esperança é que a safrinha ajude a salvar os produtores. O gergelim está com bom desenvolvimento. Lavouras que começam a ser colhidas agora estão apresentando até 900 quilos de produtividade média por hectare.

Para o milho, a expectativa é de que a safra chegue à uma média de 90 a 100 sacas por hectare.

Veja detalhes:


==============================================================

Soja em Água Boa: safra chega a 80% com média de 40 sacas/hectare - veja vídeo

Atualizada 05 Abril 24

ÁGUA BOA - Participa das Notícias Interativa, o presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos.

José Otávio Vicentin informa que 80% das áreas de soja já foram colhidas no município. A área total passou dos 210 mil hectares.

Por enquanto, a produtividade média permanece em 40 sacas poor hectare, resultado da falta de chuva até dezembro.

Porém, segundo José Otávio, o restante da colheita deve fazer subir a média de produtividade.

A estimativa é de que ao final, a safra tenha quebra de 15% a 20% em relação à safra passada.

Para a segunda safra, foram semeados 70 mil hectares com gergelim e 26 mil hectares com milho. As lavouras estão em boas condições.

Outro fator preocupante é a próxima safra. Na mesma época do ano passado, os agrônomos apontaram que 60% dos insumos da futura safra já tinham sido comprados.

No atual ciclo, apenas 30% dos insumos foram adquiridos prevento a próxima safra.

Veja vídeo:

======================================

Safra da soja chega a 55% das áreas com média de 40 sacas/hectare - veja vídeo

Atualizada 14 Março 24

ÁGUA BOA - De acordo com informações levantadas pela Associação dos Engenheiros Agrônomos de Água Boa (AEAAB), a safra da soja chegou a 55% das áreas, o que contabiliza aproximadamente 108.900 hectares.

Conforme relata a engenheira agrônoma Michelli Oliviera, as médias obtidas até o momento giram em torno de 40 sacas por hectare.

A Produtividade é maior do que as áreas que foram colhidas inicialmente. As áreas de soja que foram plantadas tardiamente serão colhidas mais à frente. Essas áreas sofreram devido ao ataque mais severo de pragas como a mosca branca, problema enfrentado pelos agricultores nessa safra.

As culturas de segunda safra esse ano tiveram alterações devido aos problemas climáticos enfrentados na região. Como houve áreas de soja plantadas tardiamente houve um encurtamento da janela de plantio para as culturas de segunda safra. Grande parte das áreas que na safra passada foram utilizadas para plantio de milho, nessa safra foram destinadas ao plantio de gergelim.

Segundo estimativas levantadas pelos engenheiros agrônomos, o município de Agua Boa tem cerca de 60 mil hectares de gergelim. Em relação à safra passada a área ocupada por essa cultura dobrou.
Também foram plantados 26 mil hectares de milho. Essa área sofreu uma redução significativa em comparação à safra passada.

Além dessas 2 culturas principais de segunda safra existem outras culturas que também serão plantadas, entre elas sorgo, que tem aproximadamente 3 mil hectares;

Algumas áreas serão ocupadas com milheto e também pastagem para pastejo de gado ou até mesmo para cobertura do solo. Tudo para evitar a degradação do solo no período prolongado de seca que virá nos próximos meses. (Associação dos Agrônomos)
Veja vídeo:




==============================================================

Soja em Água Boa: quebra é grande em 25% da área colhida - veja vídeo

Atualizada 15 Fev 24

ÁGUA BOA – A colheita da soja avança lentamente no atual ciclo. Ao menos 25% das áreas plantadas já foram colhidas. A produtividade média varia entre 25 a 30 sacas por hectare.

Porém, algumas lavouras registraram apenas 10 sacas de soja por hectare, causando enorme prejuízo aos produtores do município. A informação é do engenheiro agrônomo Woschington Fernandes, citando levantamento da Associação dos Agrônomos.

A prolongada estiagem de outubro a dezembro também provocou épocas diferentes de semeadura da soja. Muitos produtores plantaram as sementes ainda em janeiro.

Os agrônomos acreditam que a soja de ciclo tardio, plantada em dezembro e janeiro, deverá ter produtividade melhor. Dos 200 mil hectares estimados, a colheita já ocorreu em 50 mil hectares.

Além da perca em quantidade de soja, muitos grãos avariados foram registrados. Isso dificultou a entrega da soja precoce nos armazéns. Em alguns casos, a soja serviu apenas para fabricar ração, aumentando os prejuízos.

A semeadura da segunda safra já começou. Após a colheita da soja, cerca de 9 mil hectares já foram plantados com milho safrinha.

Outras áreas serão utilizadas apenas com gergelim. Ainda não há estimativas para a área a ser plantada na segunda safra.
Veja detalhes:


===========================================================

Safra em Água Boa terá quebra de produção afetando a economia - veja vídeo

Atualizada 23 Jan 24

ÁGUA BOA - A quebra da safra 2023/2024 é inevitável. A declaração é do engenheiro agrônomo Cristiano Zamboni.

Ele disse que tanto a primeira quanto a segunda safra serão afetadas pelo fenômeno El Niño.

A primeira safra além de ter quebra na soja, também influenciará na safrinha.

Os números ainda estão sendo estimados pela Associação dos Agrônomos.


Veja detalhes:


=======================================

Atualizada 06 Jan 24

ÁGUA BOA - O agricultor Jonas José Apio relata uma visão direta e franca sobre a realidade que enfrentou em seu talhão de 600 hectares de soja plantados entre 5 e 8 de dezembro de 2023.

A triste constatação de que a cultura não vingou devido a uma sequência de 34 dias de sol, seguidos por 14 dias sem chuva, ressalta as complexidades e imprevisibilidades da agricultura.

Segundo Jonas no ano de 2022 o país colheu cerca de 154 milhões de toneladas de soja, sendo que o Rio Grande do Sul havia sofrido com problemas de falta de chuvas, já no ano de 2023 tem sofrido com o excesso, e que no cenário atual, ele estima que cerca de 123 milhões de sacas serão produzidos para a safra 2023/2024, um percentual de aproximadamente 20% de quebra de safra.

O fator clima é um protagonista importante nesse cenário e nos últimos meses tem sido negativo para o agricultor.



=============================================

Lavouras de soja comprometidas: produtor rural faz alerta - veja vídeo

Atualizada 21 dez 23

ÁGUA BOA – Um vídeo viral publicado pelo Produtor Rural, Jonas José Ápio, tem dado um alerta aos produtores da região.

Ele mostra a situação atual em sua lavoura de soja, onde grande parte infelizmente não terá colheita satisfatória.

Jonas gravou um áudio via WhatsApp onde dá detalhes a redação da Rádio Interativa sobre o atual cenário das lavouras.

Veja vídeo:




==================================

ÁGUA BOA
- Na manhã desta terça feira (19) vários produtores rurais de Água Boa como também empresários da cidade e autoridades políticas se reuniram no sindicato para debater sobre a necessidade de se decretar situação de emergência.

O Dep. Dr. Eugênio se fez presente mostrando preocupação com a situação atual da soja na região.

Depois de vários debates, ficou decidido em unanimidade a busca do decreto de situação de emergência para a região de Água Boa.

veja vídeo:


Confira Mais Notícias