Água Boa - MT,
Viveiro de Querência alcança recorde de doações e inovações para 2024; veja vídeo

Viveiro de Querência alcança recorde de doações e inovações para 2024; veja vídeo

QUERÊNCIA - Erivaldo Santos, professor e engenheiro florestal responsável pela área onde fica localizado a Horta Comunitária, Viveiro, Laticínio e Casa do Mel, revelou os feitos de 2023 e as expectativas para 2024 durante uma entrevista ao Notícias Interativa.

Em 2023, o Viveiro alcançou um recorde ao doar cerca de 25 mil mudas à comunidade, contribuindo significativamente para a arborização local. Erivaldo destacou a necessidade de parcerias para sustentar essa iniciativa, solicitando apoio de grandes produtores e prefeituras vizinhas.

Além das doações de mudas do Viveiro, a Horta Comunitária implementou uma campanha educativa, cadastrando seis famílias em 2023. O ciclo atual se encerrará em abril de 2024, proporcionando conhecimento em agricultura sustentável e gerando renda para as famílias, que comercializam os produtos cultivados.

Erivaldo também mencionou a parceria com uma estudante de agronomia, oferecendo orientações técnicas para garantir o equilíbrio no cultivo. Ele expressou satisfação ao notar o interesse contínuo das mulheres envolvidas na horta, que planejam dar continuidade ao projeto após o ciclo atual.


===============================================================================
Projeto Horta Comunitária em Querência promove autonomia e geração de renda para famílias carentes; veja vídeo

QUERÊNCIA
- Um projeto tem transformado a realidade de seis famílias em situação de vulnerabilidade social. Coordenado pela Prefeitura através da Secretaria de Agricultura, (CTE) Centro Técnico Educacional de Querência e Assistência Social, o "Projeto Horta Comunitária" proporciona não apenas alimentos frescos, mas também oportunidades de geração de renda.

Selecionadas pela Assistência Social, as famílias beneficiadas recebem uma área para cultivo, orientadas por um técnico agrícola. Ao longo de 10 meses, aprendem técnicas de horticultura, permitindo que produzam sua própria comida e, também, tenham a opção de comercializar o excedente, contribuindo assim para a renda familiar.

Após o período de participação, novas famílias são escolhidas, enquanto as anteriores são encorajadas a aplicar o conhecimento adquirido em suas próprias residências, dando continuidade à produção de alimentos de forma autônoma.

O Projeto Horta Comunitária é um exemplo de como a união entre setores da administração pública e instituições de ensino pode impactar positivamente a vida de comunidades carentes, promovendo a segurança alimentar e a autonomia financeira.

Postado por Lukas Barbosa


Confira Mais Notícias