Água Boa - MT,
PJC prende suspeito de estupro de vulnerável

PJC prende suspeito de estupro de vulnerável

Atualizada 

ÁGUA BOA - Hoje, 29 de maio de 2024 na cidade de Água Boa, a Polícia Civil depois de diversas investigações para localizar o suspeito, acusado do crime de estupro de vulnerável, teve sua prisão cumprida pelos investigadores.

No mês do Maio amarelo a Polícia Civil de Água Boa-MT intensificou as investigações e prisões nos crimes relacionados ao abuso infantil, estupro de vulnerável, entre outros.

A polícia civil está sempre atuante e conta com a participação da sociedade, por isso Denunciei 197, sua identidade não será revelada. (Ascom)


============= 
Traficante preso com tornozeleira 

ÁGUA BOA - No dia 28 de maio de 2024, a Polícia Civil de Água Boa-MT deu seguimento à operação Erga Omnes que ocorre em todo o Estado no combate ao crime organizado, resultando na prisão em flagrante delito de um traficante que usava tornozeleira eletrônica. A equipe policial recebeu uma denúncia anônima informando que um homem, utilizando tornozeleira eletrônica, usando boné preto, estaria traficando drogas na Rua Ipê, bairro Vila Nova.

Diante da informação, a equipe policial diligenciou ao local e visualizou o indivíduo com as mesmas características da denúncia em ponto costumeiro de comercialização de entorpecentes.

A equipe viu o suspeito entrando rapidamente na residência, fechando a porta e saindo novamente para a calçada. Neste momento a equipe policial identificou-se e realizou a abordagem do suspeito, foi procedido a busca pessoal sendo encontrada uma porção de substância análoga a pasta base de cocaína, dentro da bermuda do suspeito.

Na residência do suspeito foram encontrados mais substâncias entorpecentes e dinheiro trocado, R$: 737,00 (setecentos e trinta e sete reais), em notas diversas, bem como dois aparelhos celulares.

Em análise a ficha criminal do suspeito, já possui uma extensa passagem pela polícia, saiu recentemente do presídio, utilizando tornozeleira eletrônica que se encontrava desligada e novamente voltou a delinquir. Por fim, a Polícia Civil reforça a importância das denuncias no combate a criminalidade e garantia da segurança de nossa cidade. Ligue 197. (Ascom)

Confira Mais Notícias