• Anuncie
  • Brasil Escolar

0
0
0
s2sdefault

golpeÁGUA BOA – Um novo tipo de golpe está sendo praticado pelas redes sócias. Hoje, com a internet oferecendo amplas vantagens, cresceu a compra e venda. No ramo de automóveis isso também acontece.

Porém, os marginais também estão de olho nessa ‘fatia de mercado’. Pessoas de Água Boa estão anunciando nas redes sociais da internet, compra e venda de veículos. Marginais de Primavera do Leste, Sorriso e Sinop passaram a copiar os anúncios de classificados, republicando com seus dados pessoais.

O suposto intermediário sempre tem boa conversa, facilitando a aplicação do estelionato. O intermediário até faz contato com o vendedor de Água Boa, para pedir detalhes do veículo e cópia dos documentos, para posterior revenda.

O golpe acontece quando o marginal oferece para venda um carro que não é seu, pega dinheiro e some, deixando comprador e vendedor no prejuízo. Em um dos casos, um água-boense estava vendendo um Ônix por R$ 30 mil. O comprador pagou R$ 20 mil para o intermediário.

O golpe só foi descoberto quando o vendedor e o comprador foram ao cartório e Ciretran para a transferência. O intermediário sumiu com a grana. Um segundo caso, o morador de Água Boa, vendia um Fiat Uno por R$ 14 mil. O estelionatário revendeu o veículo sem o vendedor saber, por apenas R$ 9 mil. O dinheiro foi depositado em conta bancária.

Nesse caso, quando a vítima notou se tratar de golpe, conseguiu via banco, reter ao menos R$ 1 mil. Outros R$ 8 mil já tinham sido sacados no banco em menos de 10 minutos. Um terceiro caso ocorreu ontem. Um morador de Água Boa queria vender sua moto por R$ 30 mil. O suposto comprador ofereceu depósito em dinheiro sem mesmo ver de perto a moto.

Só que o depósito foi feito em envelope vazio e o vendedor não passou a documentação sem antes verificar o depósito bancário. A Polícia Judiciária Civil alerta que os golpistas estão cada vez mais aprimorando os crimes. A sugestão é que ninguém pague sem ter certeza do negócio, confirmando dados completos. A transferência de um veículo deve ser feita somente após o pagamento do bem.

A polícia já sabe que as contas bancárias apresentadas pelos golpistas foram abertas pela internet, a chamada conta virtual. Dessa forma, fica difícil localizar os verdadeiros responsáveis. A conta virtual não exige a confirmação de dados pessoais como endereço e outros itens de segurança. Isso só facilita o estelionato.

Quando a negociação é feita por intermediário sem que seja uma empresa estabelecida, facilita a vida dos golpístas.

 

Veja Também

Policial
  • 26 Novembro 2019
  • Por Inácio Roberto

PJC de NX recupera moto furtada em BG

NOVA XAVANTINA - A Polícia Judiciária Civil de Nova Xavantina recuperou uma motocicleta na manhã de segunda-feira (25/11), prendendo em flagrante o receptador. Os investigadores estavam investigando o furto...