• Anuncie
  • Brasil Escolar
0
0
0
s2sdefault

QUERÊNCIA – A Polícia Judiciária Civil (PJC) prendeu um homem nesta quinta-feira (26), suspeito de participar de um homicídio, ocorrido no dia 09 de fevereiro, em Querência.

O suspeito, de 24 anos, conhecido como “Diamante” foi detido na Rua Maranhão, Setor F, após um intenso trabalho de monitoramento do setor de inteligência da PJC de Querência.

Ele é suspeito de participar do homicídio de Ricardo de Almeida Maia, de 30 anos, na noite de 09 de fevereiro.

Ricardo foi morto à tiros no quitinete onde morava, no Setor C, após se envolver em uma discussão com o enteado, de 29 anos.

Segundo a namorada da vítima relatou à polícia na época do crime, o filho dela e o seu namorado tiveram uma discussão. Em seguida, o suspeito saiu de casa e retornou na companhia de outras pessoas. Uma delas, na hora da briga, puxou uma arma e atirou contra Ricardo, que morreu no local.

O suspeito detido pela Polícia Civil nesta quinta-feira já foi encaminhado à Penitenciária Regional Major Zuzi, em Água Boa, onde estará à disposição da justiça.

Em meio à diversas ações de combate ao novo coronavírus, como o isolamento social, a Polícia Judiciária Civil segue trabalhando normalmente no intuito de garantir a segurança, repreendendo e investigando crimes no município de Querência, seguindo, contudo, todas as medidas de segurança e saúde determinadas pelos órgãos competentes, na delegacia.

=====================================================

Homem é assassinado após brigar com o enteado em Querência (Publicado em 10 de fevereiro de 2020)

QUERÊNCIA - Um homem de 30 anos foi morto a tiros na noite de domingo (09/02), no quintal da quitinete em que morava, no Setor C, em Querência. O filho da namorada da vítima, de 29 anos, é suspeito de envolvimento no crime.

A Polícia Militar foi acionada por populares que flagraram o homicídio. Ao chegar ao local, a PM avistou a vítima, Vítima Ricardo de Almeida MaiaRicardo de Almeida Maia, caída no quintal da quitinete, já recebendo atendimento da equipe médica, que constatou a morte ainda no local.

A área foi isolada para a chegada da Polícia Civil e da Politec, que só chegou às 2h30. Ao menos 11 cartuchos de calibre 380 deflagrados foram encontrados na área. 

Segundo a testemunha, o filho dela e o seu namorado tiveram uma discussão. Em seguida, o suspeito saiu de casa e retornou na companhia de outras pessoas. Uma delas, na hora da briga, puxou uma arma e atirou contra a vítima. 

O grupo fugiu por rumo ignorado e até a manhã desta segunda-feira (10) não foi encontrado. O caso segue sendo investigado.

Este é o quarto homicídio ocorrido em Querência, em menos de 4 meses, sendo o segundo deste ano de 2020.

Veja Também

Policial
  • 12 Março 2020
  • Por Inácio Roberto

PM recupera Voyage roubado em Confresa

NOVA NAZARÉ - A Polícia Militar de Nova Nazaré localizou ontem um Voyage preto ocupado por duas pessoas. Os policiais desconfiaram pois o veículo estava sujo e com o para-lama direito quebrado.  Além disso,...