0
0
0
s2sdefault

doc hospitalÁGUA BOA – A direção do Hospital Regional Paulo Alemão informa por meio de documento, que enfrenta problemas como aumento na demanda e elevação considerável nos preços dos EPI’s, equipamentos de proteção individual, medicamentos e insumos em geral.

A direção do hospital questiona se realmente é a falta de oferta dos produtos ou oportunismo que estão fazendo aumentar os preços. Antes da pandemia de coronavírus, a máscara descartável N95 custava R$ 2,14. Depois, o preço aumentou abusivamente para R$ 42,00.

O aumento é de 1.865%. Segundo a unidade de saúde, com o novo vírus, aumentou a necessidade de investir amplamente na aquisição do macacão impermeável, protetor facial e todos os demais equipamentos de proteção individual para dar amplas garantias aos profissionais de saúde que trabalham no hospital.

O Hospital Regional afirma por meio da nota, que o momento é de reflexão para ações de solidariedade coletiva que garantirão o sucesso em meio á crise do coronavírus.

VEJA NOTA DO HOSPITAL REGIONAL PAULO ALEMÃO.

Veja Também